comebacks

The Boyz está de volta tentando roubar corações com The Stealer, mas não de um jeito bom

E ai meus ladrões de corações, tudo bonzinho? Eu espero que sim, como sempre. Pois bem, segunda pauta do dia é do The Boyz, que é um grupo que eu tenho um sentimento meio estranho sobre. Eu gosto de muitos lançamentos deles mas ao mesmo tempo não boto nenhuma expectativa quando eles inventam de fazer comeback, se eu gostar legal senão tudo bem também. Com isso em mente, eu meio que não tinha gostado muito do último comeback deles antes do Road to Kingdom, e geralmente eu fico naquele meio “hmmm, o que vem depois dessa?”. Eu não vi nenhum teaser de The Stealer, então o que saísse aqui seria completa surpresa pra mim.

CONTINUE LENDO~
Música por Música

MÚSICA POR MÚSICA – IN生 (IN Life)

Fala ai meu povo da vida, tudo certinho? Pois eu espero que sim! Bem, cá estou eu pra falar mais uma vez de full álbum, dessa vez dando chance pra brincadeira toda ao invés de só o repack. Cá estamos nós pra falar de Stray Kids, que lançou seu primeiro full álbum esse ano e essa semana lançou um repackage com incríveis 8 músicas novas no álbum. Vocês tem noção do que é isso? Eles lançaram o mesmo tanto de músicas que o The Album do BlackPink vai ter eM UM FODENDO REPACKAGE. Depois de eu passar por esse choque (e dar umas boas risadas porque BP lançando full só com 8 músicas é ainda a piada do ano) eu estava prontíssima pra trazer isso pro blog e ver por quanto tempo eu conseguiria tankar as músicas do Stray Kids (e novamente, se eu tacar o pau em alguma coisa aqui me perdoem, eu realmente to tentando dar uma chance pro grupo pelo qual simpatizo pra caramba).

E claro, um disclaimer antes de começar: esse post vai ser LONGO, ok? No GO Live eles lançaram 14 músicas (das quais eu tirei 5 daqui pois elas não aparecem no repack) e no IN Life foram mais 8. Eu vou começar pelas mais novas e ir pro full álbum em si.

CONTINUE LENDO~
comebacks

Treasure está de volta declarando seu amor com mais uma música um tanto quanto questionável

Fala ai meu povo cheio de amor, tudo certinho? Pois eu espero que sim! Pois estamos aqui pra falar de novo de Treasure, que já recebeu seu primeiro comeback. Claro, isso parecia estar nos planos de debut deles da YG, mas conhecendo a empresa eu não esperava que seguiriam tudo direitinho (mas é só o começo né, porque todos sabemos que isso pode mudar). Enfim, depois de não esperar quase nada dos teasers, principalmente porque Boy foi horrível, era hora de finalmente dizer se I Love You tava no mesmo nível de Boy ou pior.

CONTINUE LENDO~
Debut

A sub unit do Astro que se inspirou em SeulRene está entre nós com Bad Idea

Fala ai meu povo das ideias erradas, tudo certinho? Pois eu espero que sim! Temos mais um comeback de omi pra esse dia de hoje, agora com a sub unit do Astro, com Moonbin e Sanha. Depois de gerarem um certo levantar de sobrancelhas no twitter com suas fotos teaser que pareciam bem inspiradas no que a sub unit do Red Velvet trouxe, eu esperava uma boa e velha viadagem nisso aqui. Eu queria olha pra isso e falar “that’s so gay my friend”. Eu queria ver a versão 2.0 do quase beijo lésbico de SeulRene só que entre dois machões de um boygroup. Eu estava mais que PRONTA pra esse momento…

CONTINUE LENDO~
comebacks

Stray Kids manda você sair pela porta dos fundos em seu mais novo comeback, Back Door

Fala ai meu povo exclusivo, tudo bom? Pois eu espero que sim~ Pois bem, cá estou eu novamente pra falar de comeback, e claro que hoje eu inicio falando sobre o do Stray Kids. Depois de darem uma bombada legal com God’s Menu, título do seu primeiro full, provavelmente a JYP olhou pra eles e falou “vamo de repackage?” e eles falaram “vamo”. Como sempre, eu fico com todo o meu corpo, não somente um pé, atrás com as coisas do grupo, porque a sonoridade deles geralmente não me agrada. Então se isso fosse muito bom eu teria uma ótima surpresa e se fosse muito ruim não ficaria decepcionada.

CONTINUE LENDO~
comebacks

ACE entrega o photoshoot mais bonito pra seu comeback, mas serase Favorite Boys é boa?

Fala ai meus garotos favoritos, tudo certinho? Espero que com certeza! Hoje eu to aqui pra falar do ACE, o grupo masculino mais hit or miss pra mim. Os meninos vem trabalhando com uma sonoridade que ou eu adoro ou eu tenho vontade de jogar janela a fora. Foi assim com Savage, eu queria que ela não existisse pra que eu pudesse continuar fingindo que a maravilhosa Under Cover foi a única coisa deles ano passado. Então, eu tava com medo de Favorite Boys ser péssima, ai tive esperanças com os teasers lindíssimos pra esse comeback e cá estamos pra finalmente ver se isso aqui tá prestando ou não.

CONTINUE LENDO~
comebacks

SuperM solta suas tigresas internas mas mesmo assim não lança música boa

Fala ai meus tigres tristes com pratos de trigo, tudo bom? Pois eu espero que sim~ Cá estamos nós (um pouco mais tarde que o normal por questões de: trabalho) pra falar da segunda pré release do grupo da SM que ainda me faz questionar o direcionamento da empresa. E não se preocupem, não to aqui tão levada no ódio quanto no último post porque pelo menos a primeira parte do álbum do Taemin sai logo logo e a SM sabe muito bem como me comprar pelo visto (e fazer o menino trabalhar sem parar, mas vou ficar quietinha no meu canto). Enfim, vamos falar das tigresas do SuperM fazendo tigragem no novo single Tiger Inside.

CONTINUE LENDO~
comebacks

BTS lança Dynamite, que para a surpresa de ninguém tem tudo a ver com o nome

Fala ai minhas dinamites, tudo certo? Pois eu espero que sim. BTS, né? Eu geralmente ando numa preguiça mais que fora do normal contanto ao grupo, principalmente pra esse lançamento aqui. Eu acho que nunca deixei exatamente claro o que eu acho que lançamentos voltados pro público estadunidense, mas aqui vem meu pensamento: sem necessidade nenhuma. Isso valendo pra qualquer grupo. O mercado estadunidense é aquele que gosta de girar somente na própria bolha e não se abre em nenhum segundo pra consumir algo fora dela, e por isso que grupos tentam tanto hitar por lá lançando músicas medíocres ou recicladas em inglês. E vocês achavam MESMO que Dynamite seria exceção a essa regra?

CONTINUE LENDO~
comebacks

Encarnando Hamlet e se perguntando “ser ou não ser” é como Oneus veio pra seu comeback

Fala ai meus Shakespeares, tudo certinho? Pois eu espero que sim, e sejam bem vindo a mais um post onde nós vamos filosofar (mentira, eu to nessa só por causa do título da música). Hoje é dia de falar de Oneus, um dos rookies do ano passado que, na minha opinião, eram mais fortes na questão de música. Se eu for comparar tudo o que eles lançaram ou eles tem o potencial de me fazer adorar alguma música deles demais ou de simplesmente ser completamente indiferente. Inclusive, esse é o primeiro comeback deles desde o Road to Kingdom, do qual eles participaram, e a única coisa que eu real tava rezando é que isso não caíssem muito no try hard mas sim mais ou menos no estilo da minha título favorita deles, Valkyrie.

CONTINUE LENDO~
comebacks

SuperM consegue se superar com 100, mas não num bom sentido

Fala meu povo, tudo certinho? Pois bem, estamos aqui de novo pra descer o pau pra falar de SuperM. Claro, eu esperava que eles fossem fazer comeback ainda esse ano, mas não que seria “agora”. Entre aspas porque isso aqui é pré release, que claro, tá passando por cima de uma schedule de comeback solo do Taemin e…

Eu não vou entrar na parte em que eu to extremamente puta por isso aqui, já chega o rant tamanho família que eu fiz no meu twitter. Então antes que eu xingue ainda mais a SM e queira ainda mais que eles parem de usar SuperM pra foder com a schedule alheia, vamos falar de 100.

CONTINUE LENDO~