comebacks

Como demonstrar seu amor verdadeiro: um guia por OH MY GIRL em REAL LOVE

Depois do sucesso pós Queendom, Oh My Girl só dá as caras de vez uma vez ao ano com uma música fácil de digerir a qual provavelmente o público vai adorar e fazer dar uma vingadinha nos charts de lá. Dessa vez elas vieram com seu comeback anual e, para minha surpresa, com um full álbum!

O álbum em si prometia ter algumas faixas interessantes, outras nem tanto, mas pelo menos Real Love me parecia algo bem sólido, o que eu esperava do fundo do coração que fosse. Será que o Oh My Girl acertaria mais uma vez ou só seria um full álbum com título sem graça?

Real Love é uma música que finalmente me remeteu ao OMG antes do Queendom, um grupo que mira em uma sonoridade quase etérea que se tornou quase uma marca. Você pensa em Oh My Girl e logo depois vem a cabeça Closer ou Secret Garden ou até mesmo Windy Day. E eu sinto falta desse Oh My Girl.

Claro, eu realmente gosto de músicas como Nonstop e Dun Dun Dance, são músicas divertidas e que funcionam como chicletes. Dun Dun Dance inclusive apareceu entre minhas favoritas no ano passado. Mas faltava alguma coisa, faltava aquele toque que deixava as coisas mais parecidas com o grupo e, não vou mentir, eu sinto falta dos lançamentos mais mágicos das meninas.

Real Love não é exatamente o que eu queria, mas ela tenta e isso já é o suficiente pra mim. Ela funciona, te dá essa sensação meio mágica que não chega a ser etérea mas está quase lá, se abraçando a sonoridade que deu certo dos últimos dois lançamentos mas colocando um toque a mais que me traz as músicas mais antigas do grupo. O único defeito de Real Love é o final abrupto, mas de resto é o Oh My Girl voltando a mirar no que sempre funcionou com elas.

O clipe exagera no CGI em alguns momentos, mas nos momentos ao ar livre ele também me traz essa sensação de estar vendo algo mais antigo das meninas. As cenas no campo me lembraram levemente de Windy Day, e por isso eu vou dar pontos extras pras meninas. Mas ainda acho a CGI desnecessaria e bem mal feitinha.

Real Love se volta para o que sempre funcionou melhor pras meninas, uma sonoridade que tem mais a cara do grupo, e só isso me faz adorar a música. Um belíssimo acerto das meninas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s