Review

REVIEW (THROWBACK!): RED VELVET – PERFECT VELVET

Olá minha gente, e bem vindos de novo a mais um review throwback!, onde eu pego algum álbum mais antigo que eu acabei não comentando por aqui e trago para nosso juri de especialistas (também conhecido como eu e somente eu) dar uma nota. O escolhido de vocês pelas nossas pesquisas foi o Red Velvet e eu, como a maior puxa saca de Peek-A-Boo, não poderia ter feito outra escolha que não fosse o Perfect Velvet (que inclusive é meu álbum favorito do grupo, mas olha só). Como sempre, se ajeitem em suas cadeiras, peguem alguma coisa não muito gordurosa pra comer (evitando sujar o seu aparelho e também que vocês tenha gastrite igual euzinha) e vamos falar desse álbum que eu tanto amo.

Eu e o Red Velvet temos um histórico longo, sendo bem honesta. Elas foram meu segundo grupo feminino favorito por muito tempo, até serem desbancadas pelo Itzy. Tenho minhas razões que eu prefiro não discutir por aqui, mesmo que sejam meio claras pelo meu discurso de uns meses pra cá com o grupo, mas eu ainda nutro MUITO carinho pelo RV e por quase todas as integrantes. Esse aqui eu comprei por uma loja diferente do sempre, a CatchopCD, que era a minha go to quando eu comprava álbuns mais antigos (Ktown geralmente é onde eu pego pré venda). É uma loja no mesmo esquema que a Ktown mas eu achava o envio e recebimento por eles bem mais rápido e até mais barato. Enfim, as especificações do álbum:

Dessa vez a câmera cooperou comigo, irra!

Especificações:

  • Tamanho: 143mmx125mmx16mm;
  • Package tipo sleeve + jewel case;
  • Photobook: 48 páginas;
  • Photocard: 1 aleatório de 10 versões;
  • Poster: 1 aleatório de 2 versões (somente pré venda).

Tracklist:

  1. Peek-A-Boo
  2. Look
  3. I Just
  4. Kingdom Come
  5. My Second Date
  6. Attaboy
  7. Perfect 10
  8. About Love
  9. Moonlight Melody

*em negrito, minhas favoritas do álbum

Bem, não é porque o Perfect Velvet é meu álbum favorito do grupo que eu vou ser obrigada a puxar saco da SM contanto algumas das decisões um tanto quanto porcas contanto a esse lançamento físico. Eu acho que já deixei bem claro o quanto sleeve case me irrita pelo fato que se ela não estiver com o tamanho perfeito isso ocasiona alguns problemas com o CD. Mas vocês sabem qual tipo de packaging me irrita mais que sleeve case?

Se você chutou que eu odeio jewel case, parabéns, estava mais que correto. A maior graça de álbum de kpop é que eles podem ser diferentes, podem explorar packagings ótimos e usarem a criatividade total pra isso. A SM passou por uma fase MUITO PREGUIÇOSA com os álbuns dela, tinha um monte saindo nesse formato, e mesmo que ela queira volta com isso agora, pelo menos ela produz uma versão diferente disso.

Tirando o fato de ser jewel case, eu realmente gosto da ideia dela ter sido feita parecida com uma caixa de pizza e o CD ser uma pizza. Foi um jeito inteligente de usar uma coisa que é um tanto quanto incoveniente e fica bonito de se ver (inclusive, tirando o CD a parte de trás dele tem marcas parecendo a gordura da pizza, tem muita atenção ao detalhe ai). Inclusive, o lyric book me lembra um menu de restaurante, o que é um ótimo acrescimo ao conceito disso tudo.

Contanto ao photobook eu simplesmente AMO o conceito dele e as fotos são lindíssimas. Podem perceber que eu to pegando os álbuns que estéticamente mais me agradam logo de cara~ Mas no caso do Perfect Velvet eu realmente sou uma grande puxa saca de toda a parte visual do álbum, ainda mais que ela tem um pézinho no surrealismo (me corrijam se eu estiver usando o movimento artístico errado aqui) e os detalhes ficaram muito, mas MUITO bem feitos nas fotos.

Sério, essa aqui deve ser minha foto favorita do álbum

O defeito do photobook? Ser muito pequeno, principalmente que a gente tá falando de um full album (de 9 músicas, mas ainda considerado um full). 48 páginas pra um álbum completo é muito pouco e desperdiça lindamente um conceito tão bonito quanto esse. Acho que, inclusive, essa sempre foi minha maior reclamação com a SM e os álbuns mais antigos dela (tirando alguns, como os solos do SHINee), os photobooks tem conceitos lindos mas que não são utilizados o suficiente. Aproveita que o visual é lindo e faz um photobook enorme, as pessoas tão comprando esses álbuns principalmente por isso!

Agora às inclusões aleatórias, eu tenho que admitir que a SM subiu no meu conceito nos álbuns seguintes (do Red Velvet pelo menos) dos grupos, porque antes era “toma esse photocard e fique por isso”. O Perfect Velvet vem com um photocard (que no meu caso, eu peguei a Irene, conhecida como a senhora que tem photocards vendidos por mais de U$500,00), mas eles poderiam ter incluido dois, um de cada tipo de photocard. Mas tudo bem, pelo menos eles são super bonitos e tem acho que as costas mais bonitas de todos os pcs do RV.

NOTA FINAL DO ÁLBUM: 6,8/10

Eu realmente gosto muito do Perfect Velvet como álbum, mas essa é a packaging que mais me faz querer tem 5 minutos de mão livre com quem veio com essa ideia. Esteticamente falando é um dos álbuns mais bonitos do grupo, o photobook é lindo, toda a direção artística da coisa é maravilhosamente bem feita e te coloca dentro do conceito que foi o Perfect Velvet.

O problema? Escolhas erradas para trazer essas estéticas, principalmente falando de um photobook extremamente pequeno pra um full álbum e o uso do compo sleeve + jewel case, que é extremamente preguiçoso vindo de uma empresa tão grande quanto a SM. Eu reitero: isso aqui era pra ter um pouco mais de página e acho que um packaging maior e com mais coisa não teria feito mal nenhum.

E chegamos ao fim de mais um review throwback! e ainda trago boas notícias: meus álbuns do Dreamcatcher parecem estar chegando aqui no Brasil aos poucos. Claro, ainda vai demorar mais um pouco porque os correios estão mais lentos por causa do corona vírus, mas assim que eu tiver todas as versões do Lose Myself (o que eu espero que aconteça agora em maio) eu trago pra vocês. Enquanto isso, a escolha do próximo álbum fica nas minhas mãos. Daqui duas semanas nos vemos de novo!

Beijineos de luz~

2 comentários em “REVIEW (THROWBACK!): RED VELVET – PERFECT VELVET

  1. eu amei que o álbum em si é uma caixa de pizza mas dava muito pra fazer isso sem usar uma jewel case, sabe? sem contar que eu morro de medo desse tipo de embalagem pq eu já quebrei muito cd de apop assim (os dentes que seguram o cd, as abas que seguram o encarte e por ai vai). péssima escolha, não acho nem um pouco funcional. pelo menos o photobook compensa.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s