comebacks

Mesmo composto por menores de idade, Enhypen está Drunk-Dazed em seu comeback

Fala ai meu povo bebum, tudo certinho? Pois bem, cá estou eu depois de uma semana vazia em que eu nem ao menos me dei ao trabalho de tentar criar algo aqui de diferente. Meu cérebro anda sem criatividade nenhuma, então mil desculpas pela ausência! Enfim, comeback do Enhypen, o grupo que saiu do ILand e está em uma das subsidiárias da Big Hit (Hybe na verdade, mas caguei, vou continuar chamando de Big Hit). Eu não tenho lá minhas impressões sobre o grupo, então não tava esperando nada demais de Drunk-Dazed, a não ser uma música que não combina com o fato de todo mundo ai ser menor de 18 anos.

E acabei saindo um pouco impressionada, eu admito. Eu gostei bastante de Drunk-Dazed, mais por ser uma música bem divertidinha de escutar e que eu não esperava que seria assim. Tudo bem que isso aqui tá meio a cara de lugar comum de boygroup hoje em dia, mas tem umas coisas que fazem com que isso aqui funcionasse comigo.

Essas coisas sendo pré-refrão + refrão. O build de um pro outro é EXTREMAMENTE bem feito, com o pré desacelerando de leve, com um instrumental mais quieto, pra finalmente estourar nessa coisa com a hype lá em cima que é o refrão. Eu gostei bastante da sonoridade de ambos combinadas e o refrão é delicioso de ouvir, ainda mais por ter uma energia tão lá no alto. Os versos são bons, mas a força real da música realmente fica nesses dois citados. Eu acho inteligente como eles utilizaram essa construção eletrônica pra dar força pra música, não deixando ela um troço só barulhento e parecendo que nem tentaram. Eu realmente to muito impressionada com a qualidade dessa música e gostei MUITO dela. Será que vai ser minha guilty pleasure desse ano?

O MV eu nem vou me dar ao trabalho de entender, sinceramente, porque conhecendo bem os grupos da dita cuja sempre tem uma teoria enorme de fundo que eu não ligo nem um pouco. Então tirando esse fundo de história e teorias, isso aqui é sobre uma festa e provavelmente tava todo mundo muito fora de si. É isto, não é a coisa mais inovativa da face da terra. Claro, pra adicionar na dose de teorias eles colocaram uma cena no meio da musica completamente deslocada ao resto do clipe, com eles vestidos de nobres e uma moça derrubando um copo de sangue no chão… Caras, eu não entendi nada. Also, pra uma empresa com tanto orçamento, alguns dos efeitos visuais ficaram bem terrivelmente feitos (sim, eu to falando do sangue saindo daquela fonte, pelo amor de deus que coisa FEIA de se ver).

Tirando o MV viajado e com uns efeitos visuais duvidosos, Drunk-Dazed é um acerto enorme do Enhypen comigo. A música é divertida e me dá vontade de levantar pra dançar, coisa que ultimamente eu ando sem vontade nenhuma. Agora é esperar e ver se eles engatam em lançar mais coisa boa ou isso aqui foi o único presente deles pra mim.

Beijineos de luz~

Publicidade

8 comentários em “Mesmo composto por menores de idade, Enhypen está Drunk-Dazed em seu comeback

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s