I-LAND

I-LAND: saiba tudo (ou quase tudo) sobre o novo survival da BigHit

Oi gente, como estão? Groselha de volta na area depois de séculos, pois é. Acontece que eu fiquei tão empolgada com o I-LAND (e olha que eu nunca gostei dessa coisa de programas de sobrevivência) que saí da escuridão e vim trazer todas as informações que reuni sobre o programa. A proposta é fazer um post detalhado a cada episódio, com minhas opiniões (e reações, claro) sobre cada um deles. E aí, vamos nessa?

Mas afinal, o que é “I-LAND“?

I-LAND” é o primeiro projeto da BELIF+, uma nova empresa formada em colaboração da CJ ENM com a Big Hit Entertainment. É um reality show  que será transmitido pela Mnet no estilo de sobrevivência, como já visto antes na trilogia Produce, onde nós vamos acompanhar 23 participantes que serão submetidos a um treinamento rigoroso em um espaço artificial e misterioso, o “I-Land”, proporcionando aos espectadores o processo profundo por trás do treinamento e o processo de criação da próxima geração de artistas do k-pop.

Os trainees foram escolhidos através de audições extensas onde puderam mostrar seus talentos em canto, rap e dança. A proposta é debutar um grupo multicultural, já que os participantes tem nacionalidades diferentes. O que eu esperava muito mais diversidade, porém temos apenas representantes dos Estados Unidos, Japão, Taiwan, Vietnã e Austrália.

O programa combinará as capacidades de produção de conteúdo da CJ ENM e a sabedoria de produção de artistas da Big Hit Entertainment, demonstrando o processo de competição entre os participantes e suas evoluções como artistas. Antes mesmo do programa estrear, foi anunciado que o Zico (Block B) e o Rain participariam como mentores, enquanto que Namgoong Min será narrador e Bang Si Hyuk o produtor geral.

Os episódios de I-LAND serão semanais, transmitidos sempre as sextas-feiras, às 11h no horário de Brasília, através do YouTube nos canais oficiais da Big Hit Labels e Mnet K-POP. Até onde sei não tem legendas em português nas transmissões ao vivo, mas vocês podem assistir os episódios no Viki.

Dias antes de sua estreia, um fonte ligada a Mnet revelou que a IU seria a voz por trás da música tema do programa.

O tema de ‘I-LAND’ foi composto por Bang Si Hyuk, o presidente da Big Hit Entertainment e produtor geral de ‘I-LAND’. A música irá simbolizar os primeiros encontros e a vista mundial dos participantes de ‘I-LAND’. É baseada nos gêneros House e Pop-Rock, com uma melodia esperançosa e uma mensagem de solidariedade e maturidade em vez de competição.

Eu particularmente gostei mais da versão cantada pelos garotos, mas a da IU também é incrível!

Into the I-LAND” foi lançada em todos os sites de música no dia 19 de junho. Alguns dias depois A música também ganhou uma versão cantada pelos trainees e você pode escutá-la aqui. Para ouvir a versão da IU, clique aqui.

E apesar de tudo parecer lindo, antes mesmo da estreia, surgiram polêmicas em torno do programa. A primeira delas se deu com o próprio nome “I-LAND” já que dias antes a Cube Ent. tinha anunciado a primeira world tour do (G)I-dle com esse mesmo nome. E a outra é que originalmente seriam 24 trainees, mas um deles se machucou durante as gravações e precisou ser afastado, assim como um staff da produção da Mnet.

Achei que era só uma edição exagerada, mas o prédio é assim mesmo!

E antes que eu comece a falar sobre o primeiro episódio, deixo vocês com o poster do programa. Sabe essa coisa quadrada enorme? Bom, nada mais é que a “casa”, o I-Land, onde acontecerão as gravações. O prédio tem três andares e levou três anos para ser construído! Foram liberados alguns vídeos no canal da Mnet com uma introdução sobre o programa e nele dá pra entender um pouco melhor sobre a estrutura da humilde casa e de como os trainees irão se dividir. Vocês podem conferir o vídeo logo abaixo legendado em português pela fanbase I-LAND Brasil.

E antes da coisa toda começar foram saindo fotos dos participantes e seus respectivos perfis e haja gente bonita viu!

É claro que, empolgada do jeito que eu estava, já tinha escolhido alguns favoritos, e depois de assistir o primeiro episódio eu mudei de opinião sobre alguns e me encantei ainda mais por outros e um deles foi o Sunoo!

Nome: Kim Sunoo
Idade: 24/06/03 (16 anos)
País: Coréia do Sul
Período de treinamento: 10 meses
Tipo sanguíneo: O
MBTI: ENFP
Curiosidades:
• Se eu fosse me comparar com um animal, ele seria: Uma raposa do deserto (Feneco)
• Um apelido que eu me daria: O atraente

Nesse perfil assim super sério nem dá pra ter noção da coisa fofa que ele é, daí foi só sair as fotos de bastidores e eu encontrei essa e morri de amores, confesso (apesar da diferença de dez anos entre nós que me deixa super triste, mas posso superar, sem problemas). Sem contar que a apresentação da unit dele foi uma das minhas favoritas!

Iti que neném mais lindo ;-;

A I-LAND Brasil fez uma thread com o perfil e algumas curiosidades de todos os meninos e vão lá dar uma olhada para conhecer um pouquinho mais sobre eles.

I-LAND – Episódio 01

A estreia do I-LAND foi feita através de transmissão ao vivo nos canais da Mnet e da Big Hit. O episódio tem mais de uma hora de duração e nos mostrou um pouco sobre como as coisas vão funcionar além das primeiras performances dos garotos! Eu não pude acompanhar a transmissão, mas assisti depois no Viki, que só tem legenda em inglês, por enquanto. Porém, já vi que a I-LAND Brasil vai legendar os episódios então sigam o perfil deles no twitter e fiquem atentos as novas informações.

Nos primeiros minutos somos agraciados com os três primeiros traines caminhando por um lindo bosque, rs. E para minha surpresa o Sunoo estava entre eles! Eles andam e conversam sobre o quão nervosos estavam se sentindo, rola umas interações muito fofas entre eles, até chegar em frente ao prédio, que quando eu vi as fotos não levei muita fé sobre o tamanho, mas é realmente enorme. O trio foi direcionado até a área onde tem um palco móvel e se sentaram a espera dos outros, sem saber que estavam sendo observados pelo trio de mentores. Rain, Zico e o Bang Si Hyuk estavam em uma sala “secreta” atentos aos movimentos dos trainees.

Nesse ponto foi legal ver o Bang Si Hyuk comentar sobre eles e o porque de ter escolhido cada um, enumerando seus pontos fortes e o potencial que viu em cada um deles. Até mesmo quando alguns não foram tão bem os três mentores, nesse primeiro momento, foram bem compreensivos com o desempenho atual. Claro que esse clima não vai durar Renato, mas fico na torcida para que todos se saiam bem.

Aqui tem um vídeo (sem nenhuma legenda) mostrando um pouquinho dessa entrada e a performance da minha unit favorita que vou falar sobre mais pra frente.

Os vinte e três trainees foram divididos em algumas units, sendo elas duplas e trios, além daqueles que ficaram sozinhos. Ao longo da entrada dos garotos, havia um número no telão que aumentava de acordo com a chegada deles, mas logo a contagem parou no 12 e assim eles logo entenderam que aquele talvez seria o numero de integrantes do futuro grupo que debutaria. Contudo, doze era o número de pessoas que poderiam entrar na casa. E enquanto ainda estavam se ambientando com a coisa toda, foram avisados que deveriam ir ao palco e apresentarem o que haviam preparado e para o choque geral, eles mesmos votariam em quem merecia entrar ou não.

O primeiro a se apresentar foi o Seon e apesar de corajoso, eu não vi nada de muito impressionante na performance dele, já que ele é quem tem mais tempo de treinamento (4 anos e 10 meses). O vocal dele é bom, mas creio que o nervosismo o atrapalhou bastante… Vamos ver como ele se sai daqui pra frente.

Animated GIF - Find & Share on GIPHY
Seon, fighting!!

Outro que decepcionou foi o K. Com certeza o nervosismo o atrapalhou bastante, já que dá pra perceber ele um tanto travado e na minha opinião a escolha da música foi um tanto arriscada demais, maaaas esse foi só o primeiro episódio, espero me surpreender com ele na longa jornada que ainda teremos pela frente.

Uma unit que chamou muito minha atenção foi a dupla composta pelo o Jay e Sunghoon que performaram The 7th Sense do NCT U, uma das minhas músicas favoritas do kpop inteiro. Os dois aparentam ter uma aura séria, o que combinou perfeitamente com a vibe da música sem contar com a sincronia durante a coreografia! Com certeza ficarei de olho neles dois.

Animated GIF - Find & Share on GIPHY
Open your rice ♫
Não, pera q

As outras performances seguiram nessa ordem:

  • Niki, Nicholas e Hanbin performando Jopping do SuperM
  • Heeseung performando Boss do NCT U
  • K performando Danger do Taemin
  • Daniel e EJ apresentando Any Song do Zico
  • Jaebeom, Sungchul e Jimin performando Shoot Out do Monsta X
  • Jaeho, Geonu e Kyungmin apresentando Chained Up do VIXX
  • Ta-ki performando Monster do EXO
  • Yoonwon, Jungwon e Taeyong apresentando All I Wanna Do do Jay Park

E a minha performance favorita foi a última, com o trio Youngbin, Jake, Sunoo e (que foram os primeiros a aparecer lá no comecinho do episódio) performando Crown do TXT. Essa de longe, pelo menos pra mim, foi a música mais arriscada dentre todas as escolhidas, já que o debut do TXT ainda é um tanto recente, sem contar o grau de dificuldade da coreografia quando os três não completaram nem um ano de treinamento ainda(4, 9 e 10 meses respectivamente)! Os três demonstraram ter muito carisma e boas expressões faciais, apesar da performance difícil. Já tenho meu top 3 bem definido, porém, fico no aguardo nas cenas dos próximos capítulos.

Animated GIF - Find & Share on GIPHY
Fofos demaaaaaaais!

Abaixo segue uma playlist que eu fiz com os vídeos de todas as performances em ordem (os videos estão com legenda em inglês):

É claro que eu poderia viver só com esses meninos se apresentando, mas ao final de cada performance, rolou a votação dos “escolhidos” e eu quase infartei umas duzentas vezes com os resultados, não vou dar spoilers sobre quem entrou ou não, mas no final ultrapassaram o limite de doze pessoas, ficando com dezesseis selecionado para entrar na casa. Ótimo não é? Só que não. Como sofrimento pouco é bobagem, deram o prazo de duas horas para que escolhessem e votassem em quem deveria sair e assim ficar com o número correto.

Enquanto rola esse drama, somos apresentados as dependências da casa/mansão que tem tudo do bom e do melhor e em paralelo, os que não passaram nessa primeira fase são mandados ao “The Ground” que nada mais é um galpão, anexo a casa, onde aparentemente os outro onze irão compartilhar com itens mais básicos.

E como não poderia ser diferente, a Mnet começou seu joguinho com edições maliciosas dando a entender que dois trainees irão ficar um contra o outro, criando uma rivalidade entre eles e sem nenhuma explicação, nos segundos finais do episódio, aparece um dos garotos se debulhando em lágrimas (não tenho certeza, mas vi em alguns comentários que era o K). Só que tudo isso foi deixado no ar e só será mostrado no segundo episódio.

Bom, para um primeiro episódio eu achei que tudo aconteceu na medida. Eu não assisti os Produce então não consigo fazer um comparativo, mas posso dizer que até agora eu gostei do modelo que o I-Land propôs e já estou ansiosa para começar as provas e saber finalmente como será o sistema de votação (e rezando para que meu neném entre no grupo final 😭/corre).

Então é isso pessoal! Nos vemos semana que vem 💜

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s